Inbound Marketing

Como fazer nutrição de leads

22/09/2021

Nutrição de Lead – O que é e como fazer?

Consegui leads para a minha base! E agora? Se você já capturou leads para a sua base, o próximo passo é a nutrição de leads para mantê-los engajados em seu negócio. Confira nossas dicas!

 

A nutrição de leads é uma das etapas mais importantes da Jornada do Cliente. É o momento em que você já conseguiu despertar o interesse do seu público para o seu produto. Ou seja, você já conseguiu capturar leads e eles devem ser tratados como contatos de ouro.

 

Ao conquistar um lead, significa que você cumpriu com sucesso as estratégias do topo do funil de vendas. A partir de agora esse lead precisa ser nutrido para continuar e avançar para as outras etapas do seu funil, seguindo o fluxo de marketing para então você atingir o fundo do funil e vender o seu produto.

 

Baixe grátis o ebook completo sobre a Jornada do Cliente, com dicas práticas para aplicar na sua empresa.

 

O grande erro da maioria dos processos de marketing é a falta da nutrição de leads. Segundo dados da Hubspot, plataforma de automação de marketing, 79% dos leads nunca convertem em vendas porque não recebem nutrição.

 

 

Como fazer a nutrição de leads?

Imagine que cada lead conquistado seja o contato de uma pessoa querida. Você precisa se relacionar com esse contato frequentemente, oferecendo atenção e informações de qualidade.

 

Na prática, nutrir lead significa criar ações de marketing para manter o seu contato engajado com a sua marca e produto. Para isso, você deve manter uma frequência fixa de relacionamento com o contato, oferecendo informações relevantes, que despertem ainda mais o interesse dele em manter uma relação ativa.

 

Para fazer a nutrição de leads você precisa de ferramentas e estratégias de inbound marketing bem definidas. Afinal, a etapa de nutrição de leads encontra-se no meio do funil de vendas, é o meio do caminho das estratégias de conteúdo oferecido ao seu mailing antes que ele se torne um cliente.

 

Leia também: Como agir em cada etapa do Funil de Vendas

 

No caso do marketing digital, essas estratégias incluem produção de conteúdo, divulgação por meio das redes sociais, e-mails, impulsionamento nas mídias pagas, além de utilizar um fluxo de automação aderente e segmentada para o seu público e de acordo com os seus objetivos.

 

5 dicas para fazer a nutrição de leads

Antes de colocar em prática as dicas para fazer a nutrição de leads, é importante que você faça e siga um planejamento, com metas bem definidas de onde deseja chegar.

 

É importante também definir alguns indicadores para medir os resultados da sua campanha. Isso vai te ajudar a entender o que funciona e o que não funciona para balizar a necessidade de mudanças e futuras estratégias.

 

1. Crie conteúdos nas redes sociais, site, blog.

Aprofunde-se nos assuntos que você já trabalhou anteriormente. Crie carrossel com dicas relevantes para continuar solucionando os problemas do seu público.

 

Coloque chamadas nas redes sociais e convide seu público para entrar no site, blog ou lhe enviar uma mensagem pelo WhatsApp. Ofereça suporte e disponibilidade de reuniões para tirar dúvidas ou apresentar formas para facilitar as necessidades do seu público, com opções para entrar em contato com o seu time de atendimento em diferentes plataformas.

 

2. Faça análise de navegação no site e blog

Por meio de plataformas de marketing digital é possível acompanhar a navegação do seu lead em seu site ou blog. Veja quais as páginas ele visitou e crie estratégias de conteúdo personalizados para fazer contato por meio de e-mails.

 

3. Utilize fluxos de automação de e-mail marketing

Por meio dos fluxos de automação de e-mail marketing é possível realizar ações personalizadas de acordo com o comportamento do seu lead.

 

Por exemplo, se ele abandonou o carrinho de compras, crie maneiras de oferecer descontos ou brindes para aquele público que deixou o carrinho cheio e não finalizou a compra. Segmente seu público e ofereça descontos.

 

Também é possível criar fluxos de e-mails de acordo com as ações que o seu lead tiver com o e-mail. Caso ele tenha aberto o e-mail, envie outro para ele se aprofundar no assunto. Faça essa mecânica de maneira coordenada com o objetivo do seu negócio, de forma a direcionar o seu lead para a próxima etapa do seu funil de vendas.

 

4. Mantenha a frequência de postagens e envios de e-mails

Nunca pare de se relacionar com um lead qualificado. Se ele está te seguindo nas redes sociais, abre os e-mails que você envia e ainda entra no seu site ou blog para conferir as novidades e os assuntos que você lança, significa que esse contato está a um passo de se tornar cliente.

 

Quando o assunto é nutrir leads, é imprescindível manter suas redes sociais, blog e site sempre atualizados, além de manter o envio de e-mails sempre ativo para não esfriar o relacionamento com o seu público.

 

5. Utilize recomendações de clientes a seu favor

Uma das maneiras de impulsionar as vendas com as ações de inbound marketing é divulgar as opiniões positivas que seus clientes já tiveram com a sua marca. Inclua essas recomendações em seu site e amplie a visibilidade com posts nas redes sociais.

 

Quando já temos um lead qualificado, vale a pena nutri-lo com experiências positivas de outros clientes que conseguiram solucionar as mesmas necessidades que esse prospect ainda tem. Pode ser a decisão que faltava para ele comprar o seu produto.

 

Uma maneira bastante eficiente de impulsionar suas vendas e nutrir seus leads, sem falha, é incluir uma agência de inbound marketing que trabalhe ativamente em todas as etapas da jornada do seu cliente. Clique aqui e conheça mais sobre como a CRP Mango pode te ajudar!

 

Veja também